Notícia da Diocese

Oikoumene: Campina Grande sedia 1º Seminário Ecumênico lembrando os 500 anos da Reforma Protestante

Autor: Márcia Marques

Cristãos de diferentes religiões realizam, em Campina Grande, o 1º Seminário Ecumênico da cidade: OIKOUMENE: Espiritualidade e Cooperação na celebração dos 500 Anos da Reforma. O evento acontece dias 7, 8 e 9 de abril no Acampamento Batista, que fica em Lagoa Seca. As vagas são limitadas e o evento é aberto a toda população.

O Oikoumene é uma realização do Grupo de Trabalho Pela Unidade dos Cristãos (GTU) de Campina Grande e do Centro de Estudos Bíblicos (CEBI) do Estado da Paraíba. Na coordenação do evento estão o Pr. Wilkens Lenon, da Igreja Batista, Pe. Cristiano Joosten e o diácono da Igreja Católica Antônio Lisboa.

Um dos palestrantes do Seminário será o Bispo Emérito da Diocese Anglicana de Recife, Dom Sebastião Gameleira. Para ele, o ecumenismo é muito mais que a mera convicência pacífica entre os cristãos. “Quando falamos de Ecumenismo, logo vem de pensar que se trata apenas de relações entre Igrejas cristãs. Ora, Ecumenismo levado realmente a sério é algo tremendamente explosivo politicamente”, diz. Ele explica que a palavra ecumenismo vem da junção de Eco – casa, e meno – que quer dizer permanecer.  “Então ecumenismo é o direito de todas as pessoas e povos a permanecerem nesta terra como ‘casa comum’, como diz o Papa Francisco. Se temos uma ‘lei da casa’ em proveito de exígua minoria, se essa lei não respeita a ‘lógica da casa’, como vai haver ‘casa onde todos possamos permanecer’? Pode até parecer surpreendente, mas relações ecumênicas têm tudo a ver com relações e estruturas econômicas e com problemas da Ecologia e de política. Eis por que é tema politicamente explosivo e a gente tem dificuldade de assumir o desafio”, conclui.

Entre os palestrantes também estão nomes como Dom Gabriel Marquesi, Bispo católico da Diocese de Floresta (PE), Pr José Marcos, da Igreja Batista de Coqueiral no Recife, e a Pastora Romi Bencke, que é Secretária Geral do CONIC  – Conselho Nacional das Igrejas Cristãs do Brasil.

A inscrição para o Oikoumene custa R$ 60,00 e dá direito a hospedagem e alimentação no local do evento. Pode ser feita através do site do evento ou no Secretariado Diocesano na rua Afonso Campos, por trás da Praça da Catedral. A programação completa e detalhes sobre o local do evento estão disponíveis no site oikoumene2017.wordpress.com.

Fonte:
Pascom Diocesana

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.requerido

*

* *