Notícia da Diocese

Campanha da Fraternidade traz reflexão sobre os biomas brasileiros e a defesa da vida

Autor: Márcia Marques

“Fraternidade: biomas brasileiros e defesa da vida”. Este é o tema da Campanha da Fraternidade, liderada pela Igreja Católica, para 2017. Sob o lema “Cultivar e guardar a criação (Gn 2,15)”, a campanha visa alertar a população para os cuidados com os biomas brasileiros, os povos nativos e, consequentemente, com a vida sustentável de toda nação. A CF tem início no próximo dia 1º de março, Quarta-Feira de Cinzas.

A Campanha da Fraternidade tem sempre um guia de orientações que baseia-se em três etapas: ver, julgar e agir. “Precisamos conhecer profundamente os nossos biomas e os povos que neles habitam. Entender que os biomas não são áreas isoladas, mas que fazem parte do contexto geral de todos os povos, sejam habitantes do campo ou da cidade. Há uma interdependência e nós vamos, à luz do Evangelho, encontrar os nossos erros e acertos com a criação divina para buscarmos juntos as soluções viáveis para a sustentabilidade da vida em todos os âmbitos”, esclarece Dom Manoel Delson, Bispo Diocesano de Campina Grande.

A Igreja abre a CF sempre no primeiro dia da quaresma, visando o período propício de oração e reflexão para que o tema proposto seja mais trabalhado e discutido nas comunidades. Ao longo da história algumas vezes a ecologia foi o tema central das discussões:

NA DIOCESE:

O lançamento oficial da Campanha da Fraternidade na Diocese de Campina Grande será no dia 1º de março, quarta-feira de cinzas, às 10h da manha, no Salão Paroquial da Catedral de N. Sra. da Conceição. Na oportunidade, a Diocese apresentará o trabalho desenvolvido pela Comissão Pastoral da Terra (CPT) e alguns projetos que são desenvolvidos na ambiência das ações propostas pela CF 2017.

O ato é voltado preferencialmente para a imprensa, mas a entrada é livre a todos que desejarem participar da solenidade.

Fonte:
Pascom Diocesana

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.requerido

*

* *